• 34° Festivale termina neste domingo após 12 dias de apresentações
  • Autor:OVALEBrandStudio
  • 2019-09-06
  • Fonte:

Após 12 dias de atividades, o 34° Festivale (Festival Nacional de Teatro do Vale do Paraíba) chega ao fim nesse domingo (8), com cinco espetáculos e uma mesa de debate.

Com grupos do Estado de São Paulo (São José dos Campos, Jacareí, São Paulo e Campinas), as apresentações acontecem na Praça Matriz de Santana, Parque Santos Dumont, Parque da Cidade, Centro Cultural Clemente Gomes, Cine Teatro Benedito Alves e Teatro Municipal. A mesa acontece no Museu Municipal.

Os ingressos para o Teatro Municipal devem ser reservados no site da FCCR (Fundação Cultural Cassiano Ricardo). Eles também estarão disponíveis na bilheteria duas horas antes do início do espetáculo.

No Cine Teatro Benedito Alves, os ingressos serão disponibilizados na bilheteria com uma hora de antecedência. Nas praças, parques e casas de cultura a entrada é livre. Todos os ingressos são solidários, trocados por 1 litro de óleo, que será doado ao Fundo Social de São José dos Campos.


Programação

10h | Praça Matriz de Santana

"Dois brincantes e o príncipe feliz" (Cia Milongas Sentimentais Teatro Popular)

São José dos Campos – SP / Teatro Popular / 50min / Livre

João e Maria, um casal de artistas itinerantes chega “Na rua” para apresentar sua nova história para o público. Maria, que está decidida a arranjar um emprego que torne sua vida mais segura, é persuadida por João, que a convence a narrar a história do "Príncipe Feliz", com a esperança de que a partir de agora tudo vai mudar.

 

10h | Parque Santos Dumont

15h | Parque da Cidade

"Romieta e Julimeu" (Humanidhas Trupe)

Jacareí – SP / Comédia Dramática / 60min / Livre

A peça conta a mais antiga tragédia de amor e ódio, que envolveu duas famílias de circo que se odiavam, mas se uniram por conta de um patrocínio. Entretanto eles não contavam com amor de seus filhos Romieta e Julimeu, a bailarina e o palhaço de suas casas, levando a um desfecho de brigas e tristeza para as famílias.

 

13h | Centro Cultural Clemente Gomes

"Hysteria" (XIX de Teatro)

São Paulo – SP / Drama / 70min / 14 anos

No final do século 19, nas dependências de um hospício feminino carioca, cinco personagens internadas como histéricas revelam seus desvios e contradições - reflexos direto de uma sociedade em transição, na qual os valores burgueses buscavam adequar a mulher a um novo pacto social.

 

17h | Cine Teatro Benedito Alves

"Romeu e Julieta" (Minishakespeare)

Jacareí – SP / Infanto Juvenil / 45min / Livre

Verona é o palco do conflito histórico entre duas famílias tradicionais: os Montecchio e os Capuleto. Por um infortúnio do destino, Romeu, filho único da família Montecchio, e Julieta, filha única da família Capuleto, conhecem-se durante um baile de máscaras e apaixonam-se perdidamente.

 

20h | Teatro Municipal

"Zabobrim, o rei vagabundo" (Barracão)

Campinas – SP / Comédia / 100min / 14 anos

Zabobrim, o palhaço vagabundo, remexendo no lixo, encontra uma lâmpada mágica e o gênio lhe concede três pedidos. Palhaço que é, depois de perder os dois primeiros, pede para se tornar Rei. Seu desejo é realizado e Zabobrim retorna ao passado, quando o fim da monarquia se anuncia e os reis estão perdendo suas cabeças.

 

17h | Museu Municipal

Mesa - Curadoria coletiva: uma nova perspectiva organizacional para o Festivale

Com Wangy Alves, Fabiana Monsalú, Calixto de Inhamuns, André Ravasco, Fernando Rodrigues e Rodrigo Morais Leite.

Debate envolvendo a coordenação e toda a equipe curatorial a respeito da programação e da organização do Festivale deste ano.