• Dicas para deixar a memória afiada depois dos 60
  • Autor:Paula Maria Prado
  • 2020-03-25
  • Fonte:

De acordo com pesquisa da OMS (Organização Mundial da Saúde), o número de pessoas com quadros de demência no Brasil deve triplicar até 2050. Entre os diagnósticos mais comuns para a perda de memória, o estresse e o excesso de atividades são as principais causas. Porém, na maioria dos casos, os problemas de esquecimentos são causados pelo envelhecimento natural do ser humano.

O dado é preocupante; porém, a boa notícia é que existem dicas e exercícios para turbinar a memória e postergar o aparecimento de doenças neurodegenerativas. O método Supera, rede de franquias dedicada ao desenvolvimento do cérebro, cuja unidade de Jacareí é parceira do Clube+ OVALE, listou algumas dessas atividades. 

O segredo é tirar o cérebro da zona de conforto, com atividades novas, variadas e com desafio crescente. Isso tudo pode ser encontrado com a prática da ginástica para o cérebro, atividade que estimula o fortalecimento das conexões neuronais. Com os exercícios que turbinam a mente, é possível melhorar – além da memória –, a concentração, raciocínio lógico e criatividade. 

Confira algumas sugestões para o dia a dia: 

1 - Use o relógio de pulso no braço direito (ou no braço esquerdo, se for canhoto);

2 - Escove os dentes ou escreva em uma folha de papel com a mão contrária da de costume, concentre-se nos pormenores que você nunca havia reparado;

3 - Ande pela casa de trás para frente; (na China há muitas pessoas que treinam isso em parques);

4 - Vista-se de olhos fechados;

5 - Faça um novo caminho para ir ao trabalho ou introduza pequenas mudanças nos seus hábitos cotidianos, transformando-os em desafios para o seu cérebro;

6 - Comece agora trocando o mouse de lado.

“É comum apresentar falhas de memória com o passar dos anos. O cérebro pode começar a ter perdas cognitivas aos 30 anos de idade. E, à medida que ele envelhece – assim como todos os outros órgãos do corpo -, os circuitos ficam menos estáveis e o hipocampo (região do cérebro responsável pelas memórias) fica menos eficiente”, afirmou Solange Jacob, diretora acadêmica do Método Supera. 

Ou seja, aproveite a quarentena para se autodesafiar. Aproveite para ter boas noites de sono, fugir do estresse, praticar exercícios físicos ainda que em casa e se alimentar corretamente (dietas ricas em Ômega-3, vitamina B e antioxidantes são importantes para a saúde cerebral).  

--


Gostou? O Clube+ OVALE oferece experiências únicas para quem gosta de conhecer novos sabores, assistir diferentes espetáculos e ainda aproveitar bons serviços. São mais de 100 estabelecimentos parceiros, como restaurantes, bares, teatros, academia, clínicas de estética, petshop, lavanderia… E muito mais. Para usufruir disso tudo, basta baixar o aplicativo e testá-lo por 30 dias gratuitamente.

Faça parte e coloque na ponta do lápis quanto você economizou! O app está disponível para os sistemas Android (Google Play) e iOS (Apple Store).

Mais informações acesse: http://clubeovale.com.br